Sistema de Ventilação Personalizada Instalado na Poltrona em Cabine de Aeronave: Análise da Concentração e da Eficiência na Remoção de Partículas Expiratórias

  • Victor Barbosa Felix
  • Douglas Fabichack Jr.
  • Paulo Rogério Celline
  • Arlindo Tribess

Resumo

As pessoas viajam cada vez mais de avião e, muitas vezes, estas viagens são longas. A qualidade do ar dentro desse meio de transporte torna-se então uma questão crucial, principalmente agora que o mundo está passando por uma pandemia causada pela COVID 19. Uma forma de melhorar a qualidade do ar e as condições de conforto térmico dentro de uma cabine de aeronave está na utilização de novos sistemas de ventilação personalizada. No presente trabalho é apresentada análise experimental da influência de um sistema de ventilação personalizada (PV) na concentração e na eficiência de remoção de partículas expiratórias em cabine de aeronave com sistema de ventilação convencional por mistura (MV). Os ensaios foram realizados em um mock-up com 12 lugares, com três fileiras de quatro poltronas. Medições de concentração de partículas foram realizadas na região de respiração, a 1,10m do piso, em todos os assentos da cabine. Os resultados mostram que a eficiência na remoção de partículas na região de respiração, considerando toda a cabine, é de até 25% para partículas de 5 a 10 μm e de até 30% para partículas de 2 a 5μm. Os resultados mostram também que a eficiência na remoção de partículas é praticamente igual para o sistema PV operando tanto no assento da janela quanto no assento do corredor para todos os tamanhos de partículas. Os resultados da eficiência de remoção de partículas mostram que o sistema PV influencia significativamente a remoção de partículas no assento no qual o sistema está operando e na cabine como um todo.
Palavras-chave: Sistemas de Ventilação, Qualidade do Ar, Partículas Expiratórias, Análise Experimental, Cabines de Aeronaves

Abstract
People travel more and more by plane, and often these trips are long. Air quality within this mode of transport then becomes a crucial issue, especially now that the world is experiencing a pandemic caused by COVID 19. A way to improve air quality and thermal comfort conditions inside a cabin of aircraft is in the use of new personalized ventilation systems. This work presents an experimental analysis of the influence of a personalized ventilation system (PV) on the concentration and efficiency of removal of expiratory particles in an aircraft cabin with a conventional mixing ventilation system (MV). The tests were carried out in a mock-up with 12 seats, three rows with four abreast. Measurements of particle concentration were performed in the breathing region, 1.10 m from the floor, in all seats of the cabin. The results show that the efficiency in removing particles in the breathing region, considering the entire cabin, is up to 25% for particles of 5 to 10 μm and up to 30% for particles of 2 to 5 μm. The results also show that particle removal efficiency is practically the same for the PV system operating on both the window seat and the aisle seat for all particle sizes. The results of particle removal efficiency show that the PV system significantly influences the removal of particles in the seat on which the system is perating and in the cab as a whole.
Keyworks: Ventilation systems, Air Quality, Expiratory droplets, Experimental analysis, Aircraft cabins

Publicado
2020-08-13
Como Citar
FELIX, Victor Barbosa et al. Sistema de Ventilação Personalizada Instalado na Poltrona em Cabine de Aeronave: Análise da Concentração e da Eficiência na Remoção de Partículas Expiratórias. REVISTA PLURI, [S.l.], v. 1, n. 3, p. 77-86, ago. 2020. ISSN 2596-1098. Disponível em: <http://revistapluri.cruzeirodosulvirtual.com.br/index.php/pluri/article/view/137>. Acesso em: 30 out. 2020. doi: https://doi.org/10.26843/rpv132020p77-86.